segunda-feira, 10 de junho de 2013

CONVITE PARA O VIII RECITAL DE ALUNOS DO CEDIM

O centro de Estudos DIMATTOS Musical - CEDIM
 realiza oVIII Recital de Alunos
Dia: 11.06.2013 (Terça-feira) Horário: 20h
Local: Teatro Carlos Jehovah - TCJ
Ingressos: R$6,00 e R$3,00
www.dimattosmusical.blogspot.com


Cantigas de Roda

As cantigas de roda, também conhecidas como cirandas são brincadeiras que consistem na formação de uma roda, com a participação de crianças, que cantam músicas de caráter folclórico, seguindo coreografias.
Com o tempo essas cantigas passaram por modificações, no entanto não há como datar o momento em que as cantigas de roda, já que além de terem autoria anônima, são continuamente modificadas, adaptando-se à realidade do grupo de pessoas que as canta. São também criadas novas cantigas naturalmente em qualquer grupo social.
As cantigas de roda são de extrema importância para a cultura de um local. Através delas dá-se a conhecer costumes, cotidiano das pessoas, festas típicas do local, comidas, brincadeiras, paisagem, flora, fauna, crenças, dentre muitas outras coisas. A Cultura Popular de determinado local vai sendo construída aos poucos através não só de cantigas de roda, mas também de histórias populares contadas oralmente, cantigas de ninar, lendas, etc.
De acordo com Cascudo (1988),
“(…) apesar de serem cantadas uma dentro das outras e com as mais curiosas deformações das letras, pela própria inconsciência com que são proferidas pelas bocas infantis.” (ibid., p 676) Elas são transmitidas oralmente abandonadas em cada geração e reerguidas pela outra “numa sucessão ininterrupta de movimento e de canto quase independente da decisão pessoal ou do arbítrio administrativo.” (ibid., p. 146).
O Centro de Estudos DIMATTOS Musical – CEDIM, realiza dois recitais por ano, o primeiro voltado para a música popular, e o segundo com músicas eruditas. Neste recital serão apresentadas cantigas com arranjos do Maestro Emerson DiMattos, O cravo brigou com a rosa, Sabiá ta na gaiola, Cai, cai balão, Marcha soldado, Peixe vivo, Berceuse, Boi da cara preta, Escravo de Jó, Frere Jacques, Não atire o pau no gato, Terezinha de Jesus, Nesta rua, Perdi meu anel no mar, Eu morava na areia, Sereia, Pai Francisco entrou na roda, A canoa virou, Alecrim dourado, Capelinha de melão, Samba Lê lê, Na Bahia tem, Paranaê e Mulher rendeira, ganham uma releitura ao som dos Violinos, Flautas doce e Transversal, Piano, Rabeca e Percussão.

Aguardo a sua presença!


Emerson DiMattos
8807-6068


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário